Free Theme for Plone
Personal tools
Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Em cerimônia de posse na ECI, Terezinha Carvalho de Souza prega coesão, compromisso com a ética e o avanço do conhecimento

Em cerimônia de posse na ECI, Terezinha Carvalho de Souza prega coesão, compromisso com a ética e o avanço do conhecimento

   

  

                                                                                                                                   Fotos: Gustavo Miranda

 

Ao tomar posse como diretora da Escola de Ciência da Informação (ECI), na noite desta segunda-feira, 3, a professora Terezinha de Fátima Carvalho de Souza anunciou que dois pilares vão nortear sua gestão: uma avaliação ampla das competências e necessidades da Escola e o fomento de produções que contribuam para o avanço do conhecimento, aliado à interlocução com o ensino e a extensão.


 
Terezinha disse ainda que “é importante valorizar a trajetória institucional e o compromisso ético da ECI com a sociedade” e destacou o atual “momento político-social vivido pelo Brasil e pelo mundo, que nos leva a pensar que nos mantermos coesos e estruturados é o que nos fortalecerá”.

 

Terezinha Carvalho de Souza relembrou sua trajetória na ECI – graduou-se bibliotecária, foi professora substituta, cursou mestrado e doutorado em Ciência da Informação antes de ser efetivada docente, em 2009 – e declarou que a grande motivação para assumir a direção da Escola é o “sentimento de gratidão pela casa que sempre me acolheu e que tem me apoiado em todos os projetos em que me envolvo”.



Credenciais


Terezinha Carvalho de Souza vai dirigir a Escola até 2021. Eleita em junho, ela substitui o professor Carlos Alberto Ávila Araújo, que pediu exoneração, por problemas de saúde.

 

Em sua fala, o vice-diretor Adalson de Oliveira Nascimento [foto], diretor em exercício, enumerou “credenciais de Terezinha para dirigir a ECI: equilíbrio, temperança, senso de justiça e responsabilidade com a coisa pública”. Ele destacou realizações da gestão que se encerrou hoje e agradeceu à comunidade, à administração central, ao professor Carlos Alberto e a própria UFMG.

 

 

Em sua saudação à nova diretora, a professora Marta Eloísa Melgaço Neves afirmou que a escolha de Terezinha é a prova da avaliação, por parte da Escola, de que sua trajetória “está em consonância com a missão da ECI e da UFMG, marcada pelo espírito de coletividade”. Para ela, a comunidade “optou por filiar-se ao projeto que caracteriza as universidades: o de exercer o paradoxo de ser parte da sociedade e, ao mesmo tempo, fazer a sua crítica”.


 
Cuidado diário


O reitor Jaime Ramírez  dirigiu-se à plateia formada por dirigentes, diretores de unidades, professores, técnicos e estudantes para dar as boas-vindas a Terezinha Carvalho de Souza, pedir união em torno da Escola de Ciência da Informação e lembrar que uma agenda de colaboração “requer respeito, diálogo, empenho e cuidado diário de todos”. “É preciso que o compromisso institucional e a corresponsabilidade sejam premissas a orientar a incansável busca de soluções”, disse Ramírez, sempre falando em nome também da vice-reitora Sandra Goulart Almeida, que dividiu a mesa da solenidade com o reitor, com a nova diretora e o vice-diretor da ECI.

 



Ramírez acrescentou que será possível vencer os desafios “combinando a atenção contínua da qualidade acadêmica com a busca do conhecimento crítico e a ação transformadora da sociedade, compromissos inarredáveis de uma universidade pública e gratuita”. Por fim, o reitor citou o antropólogo Darcy Ribeiro e afirmou: “que não nos resignemos nunca e que possamos nos indignar sempre que a Universidade for afrontada em sua missão constitutiva”.

 

Acesse a cobertura fotográfica completa.

 

Fonte: Site UFMG

This is Schools Diazo Plone Theme