Free Theme for Plone
Personal tools
Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Follia: uma exposição sobre a saúde mental e a luta manicomial

Follia: uma exposição sobre a saúde mental e a luta manicomial

 

Hoje, 15 de maio, às 19h, acontecerá no mezanino da Reitoria da UFMG, a abertura da exposição Follia.  A mostra integra a grade curricular dos alunos do 6º período do curso de Museologia da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais. A coordenação da concepção, produção e montagem da exposição é das professoras Verona Campos Segantini e Jussara Vitória de Freitas.

 

A exposição apresentará os aspectos de uma longa luta, que reivindica o direito pela liberdade e cidadania daqueles que um dia estiveram nos “porões da loucura”. A pesquisa contou com a participação ativa e criativa de trabalhadores, familiares e usuários dos serviços de Saúde Mental.

 

 

O trabalho expositivo parte do interesse e desejo de ampliar o espaço de discussão sobre a saúde mental na Universidade, propondo uma narrativa expositiva que aborda a loucura sob diferentes óticas: da arte, da literatura, da história e da memória. A exposição integra a programação da V Semana de Saúde Mental e Inclusão Social da UFMG e tem o apoio da Escola de Ciência da Informação, Escola de Belas Artes, Pró-reitoria de Extensão e Pró-reitoria de Assuntos Estudantis.

 

 

A exposição será dividida pelos módulos:

A literatura e a loucura

Aproximação de personagens criados por Cervantes Shakespeare, Machado de Assis, Lima Barreto e Guimarães Rosa. Os trechos apresentados revelam faces da loucura: a rua e o hospício, a repulsa e a curiosidade, o abandono e a exclusão.

 

Imprensa e as denúncias sobre os Hospitais psiquiátricos em MG:

A Revista “O Cruzeiro”, em 13 de maio de 1961, denunciava os horrores do Hospital Colônia de Barbacena com a reportagem de José Franco “A Sucursal do Inferno”.  Hiram Firmino, jornalista do Estado de Minas, publica em 1979 as séries: “A Via Crucis de Maria” e “Nos Porões da Loucura”.

 

III Congresso Mineiro de Psiquiatria

Sob a organização do Centro de Estudos Galba Velloso o evento contou com o lançamento do curta “Em nome da razão”, de Helvécio Ratton e a participação de Franco Basaglia e Robert Castel.

 

 

Cezar Rodrigues Campos

Recortes de jornais, fotografias, impressos, programações de eventos revelam a trajetória profissional e a atuação do psiquiatra e ativista da luta antimanicomial.  

 

Luta antimanicomial

Há vinte anos manifestações e desfiles ganham as ruas das cidades com alas e sambas-enredo criados coletivamente por usuários, familiares, militantes e profissionais.  

 

Centros de Convivência

Em princípios de 1990 surgiram os primeiro Centros de Convivência com o intuito de garantir um serviço terapêutico expressivo, socializador e inclusivo.

 

 

UFMG nessa Follia

Diferentes programas e projetos vêm se dedicando às discussões e ações relacionadas ao tema da Saúde Mental. Destacamos a Rede de Saúde Mental da UFMG e a Comissão Institucional de Saúde Mental (CISME/UFMG).

 

Semanas de Saúde Mental de Inclusão Social da UFMG

Acontecem oficialmente desde 2013 por iniciativa do PASME e buscam a participação e envolvimento da comunidade acadêmica nas mobilizações do dia 18 de Maio.

 

Arte, loucura e musealização

Exposições, catálogos e museus dedicados à “arte bruta” revelam a importância dessas coleções para as transformações do imaginário social da loucura.

 

 

 

This is Schools Diazo Plone Theme